EN PT

 Faça uma Cotação Conosco
Faça uma cotação conosco


Indicador da OMC aponta baixo desempenho do comércio exterior no primeiro trimestre do ano

21 MAI 2019

São Paulo – O ritmo de crescimento do comércio global deve continuar fraco no trimestre em curso, segundo o Indicador de Perspectivas do Comércio Mundial divulgado nesta segunda-feira (20) pela Organização Mundial do Comércio (OMC). O índice está em 96,3 pontos, o que aponta para um crescimento abaixo das tendências de médio prazo. Pontuação abaixo de 100 indica desaceleração, ao passo que acima deste patamar, aponta aceleração.

O indicador divulgado nesta segunda-feira (20) repete o número do boletim anterior, publicado em fevereiro, mas ainda não leva em conta medidas anunciadas nos últimos dias que afetam o comércio internacional, notadamente o recrudescimento da guerra comercial entre Estados Unidos e China.

Segundo a OMC, dos seis componentes do índice, apenas dois não recuaram: “encomendas de exportação” e “componentes eletrônicos”, mas ambos seguem abaixo de 100. Caíram os números relativos a “frete aéreo internacional”, “produção e venda de automóveis” e “matérias-primas agrícolas”. O dado sobre “movimentação portuária de contêineres” também recuou, mas mantém-se pouco acima de 100, o que indica perspectiva de crescimento de acordo com as tendências de médio prazo.

Em abril, os economistas da OMC estimaram que o comércio mundial de bens deve avançar 2,6% este ano, contra 3% em 2018, com possibilidade de retorno a 3% em 2020. A organização ressalta, porém, que eventual retomada no próximo ano vai depender da redução das tensões comerciais e da melhora do cenário macroeconômico internacional.

(*) Com informações da ANBA

Leia Também